Privatizando Salvador aos poucos

By -

O Elevador

A noticia é um pouco velha, apesar do seu ressuscitar atual, mas estive com um pouco de preguiça de escrever confesso mas agora estou aqui para vos falar sobre esse fato que de certa forma vem a marcar e que me deixou sensibilizado com a situação. Todos nos conhecemos o Elevador Lacerda, ícone marcante de Salvador, cartão postal de visitação turística, e patrimônio cultural brasileiro, poderia ser somente um elevador, mas é muito mais que isso, é a ligação entre a cidade baixa e a cidade alta, é uma das construções mais magnificas que eu posso presenciar, muitos que vivem em salvador já se sentem acostumados em vê-lo, não enxergam mais a exuberância e e passo enorme que se tomou ao construir essa ligação a vista que se ver do alto em seus 72 metros de altura.

O descaso

O Elevador Lacerda, juntamente com os planos inclinados Gonçalves, Pilar, Liberdade e incluindo a desfazada estação da Lapa. Posso ser taxado como alguém que não saiba valorizar e enxergar as situações de melhorias que essa atitude possa vim a trazer, mas sim eu reconheço, mas a questão principal em pensar é que patrimônios como o Elevador Lacerda, que

 dito patrimônio cultural brasileiro seja entregue a privatização mesmo que seja para manutenção do mesmo, por que levo a situações mais simples do cotidiano, o que é nosso a gente tem que manter e cuidar, como podemos chegar ao ponto de não ter condições administrativas de manter um elevador ou menos uma estação de transbordo ou a um plano inclinado, que consistem em um bondinho de consiste em um bondinho em um plano inclinado que faz a ligação normalmente entre bairros como o do bairro da Liberdade a Calçada, que são meios de transporte e estações de passageiros que são de suma importância para a população soteropolitana, mas na verdade o que vemos a cada dia é o estado de falência e a calamidade publica.

Os benefícios

Mas para não me chamarem de pessimista e que não liga para os benefícios da novidade não tão nova assim a privatização ou a nova ad ministração dessas três categorias do ramo de transportes vira sim como um beneficio se for bem organizado, se as empresas que estiverem a frente se colocarem de forma responsável e derem o real valor sem se colocarem como exploradoras do elo mais fraco pois a população quer solução em cima de todos os impostos pagos diariamente, a população quer resultado, principalmente em cima da estação da lapa, que creio eu a unica que não é gratuita e mesmo assim esse dinheiro imposto nos valores acarretados na passagem nao são suficientes para uma melhoria na estação que se encontra em constante boato de cair, alem das situaçoes impostas pelo clima, principalmente as chuvas. Em fim espero de coração que ajam melhorias, afinal a população merece.

César Augusto

Sou César Augusto, tenho 21 anos atualmente, graduando em Ciência da Computação pela UFBa, meus gostos são diversos a depender do momento e o lugar, as vezes nada mais aconchegante que ficar em casa curtindo o tempo e assistindo algo que me faça rir outra hora que quase já se faz outrora rs gosto de sair e principalmente sentir o ambiente e a natureza que se faz presente ao redor.

2 Comments to Privatizando Salvador aos poucos

    • Realmente a uma certa preguiça, relaxo por parte dos governantes, a ma utilização de recursos públicos e por fim a falência das prefeituras de varias cidades do Brasil, cabe a nós fazer a mudança, a crer em nossas capacidades.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>